Como Salvar Meu Casamento? Um Guia Completo e Definitivo

Reading time: 25 minutes

 “É possível salvar um casamento desgastado?” “O que fazer para recuperar o casamento?” “Como salvar meu casamento?” “Como reconquistar meu marido?” “Quero salvar meu casamento, o que fazer?” 

Estas são as perguntas mais comuns que especialistas em relacionamentos ouvem de pessoas que estão com o casamento em crise. 

Como salvar meu casamento - Mulher tirando a aliança

 

Você já fez algumas destas perguntas? Se sim, é sinal que o seu casamento está abalado e você precisa de ajuda para saber o que fazer para recuperar seu casamento. 

Neste artigo, você vai encontrar as respostas de cada uma destas perguntas através de Conselhos dados por especialistas para você colocar em prática, antes que seu casamento acabe em divórcio.

Se você está em busca de soluções para salvar o casamento, neste artigo você vai encontrar um Guia Completo e Definitivo através de 10 conselhos infalíveis para salvar seu casamento, mesmo que você acha que não tem mais solução. 

Mesmo que para você, seu casamento pareça estar falido. 

Quero salvar meu casamento. Por onde começar?

Ao longo do tempo, os casais vão deixando de fazer coisas que faziam no início do relacionamento e começam a ter atitudes negativas diante de situações do dia a dia.

O que faz com que a relação entre o casal comece a ter conflitos, desentendimentos, brigas.

Os principais conselhos dados por especialistas à casais que perguntam “Como salvar meu casamento?” são: 

Veja abaixo como salvar seu casamento com estes 10 conselhos infalíveis dados por especialistas em relacionamentos: 

1- Como salvar um casamento com uma boa comunicação e diálogo 

Salvar casamento com comunicação e diálogo

Se você fez a pergunta “Como salvar meu casamento?” é porque está faltando uma boa comunicação no seu relacionamento.  

Não estamos falando de conversas sobre contas, dívidas, a educação dos filhos, sobre quem vai na reunião escolar, quem vai fazer as compras.  

Estamos falando de uma conversa sobre os sonhos, os planos, aquilo que querem fazer, ou o que não querem. 

Uma conversa do tipo que é feita no início do namoro. 

As pessoas mudam. Não é só porque vocês estão juntos há muito tempo que não precisam saber um do outro.

É preciso investir tempo em uma conversa pacífica, interessante, divertida. 

A falta de uma boa comunicação é um dos principais fatores de um casamento que está prestes a acabar.  

Ao longo dos anos, o casal acaba esquecendo de como se comunicar de forma pacífica, sem gritos, críticas e acusações. 

Comece a melhorar a forma que você se comunica com seu parceiro, praticando as seguintes atitudes: 

  • Elimine do seu dia a dia fala, expressões ou gestos de ironias e sarcasmos. 
  • Não diga uma coisa querendo dizer outra. 
  • Não use o silêncio para lidar com alguma situação. 
  • Seja clara, objetiva, amorosa e verdadeira. Não quer dizer que você irá falar tudo o que você pensa. Diga o que você quer, mas com amor. 
  • Pese as suas palavras, não dê respostas arrogantes. 
  • Tenha cuidado com o tom de voz que você usa ao falar com seu parceiro. 
  • Sempre diga como você se sente em relação a determinada situação. 
  • Não faça acusações ou cobranças 
  • Sente para conversar e para resolver os problemas, e não para achar culpados ou criticar; 
  • Evite conversar de cabeça quente. Você pode acabar machucando seu parceiro de forma verbal, física ou emocionalmente. 

Aconteça o que acontecer, mantenha o diálogo com seu parceiro. Nunca deixe para depois.

Conversem até que o problema esteja resolvido.

Deixem as acusações de lado e cheguem juntos a uma decisão se realmente quer a resposta de como salvar seu casamento. 

Tenha em mente que vocês estão juntos contra o problema, e não um contra o outro. 

Como salvar meu casamento se eu e meu marido não estamos nos falando?

Quando o casal não se fala mais é sinal de que o casamento está de mal a pior. Sem diálogo, qualquer casamento corre risco de acabar. 

Um dos principais motivos da falta de diálogo é que um parou de ouvir o outro.

Em algum momento, entre brigas e discussões, um parou de dar ouvidos ao que o outro falava, causando raiva na pessoa que falava e não era ouvido. Assim, essa pessoa decide parar de falar. 

Além disso, algumas pessoas, após uma discussão, preferem ficar um tempo em silêncio para se acalmar e continuar com a conversa em outro momento, mas este outro momento nunca chega. 

Se você leva dias sem falar com seu cônjuge para não entrar em discussão novamente, saiba que essa atitude só irá piorar a situação, pois a falta de diálogo impede que o casal solucione o conflito. 

O silêncio se torna uma ferramenta para ferir a outra pessoa.

O risco desse tipo de comportamento é que a pessoa não expressa o que está sentindo enquanto que o outro também ignora o que está acontecendo. 

Não basta vocês estarem se falando, é preciso estarem se ouvindo também. E ouvir é o primeiro passo. 

E isso não quer dizer que você precisa concordar com que o outro diz, mas sim ouvir e entender. 

Você pode não concordar sempre, mas pode sempre procurar ouvir e entender seu parceiro. 

Saiba ouvir  

Ser ouvido é uma das principais necessidades de uma pessoa e, no casamento, essa necessidade não é atendida muitas vezes, o que causa muitos casos de traição, porque a pessoa que não é ouvida encontra no amante um ouvido aberto. 

Talvez este seja o erro que você está cometendo no seu relacionamento. Experimente começar a ouvi-lo e entendê-lo, mesmo que não concorde com o que ele diz. 

Deixe de lado aquela vontade de querer retrucar, criticar ou colocar seu ponto de vista acima do dele. Apenas ouça e tente compreender o ponto de vista dele. 

Se coloque no lugar dele. Busque entender o que ele está sentindo, o que ele está pensando.

Se colocar no lugar da outra pessoa é essencial para conseguir entender o ponto de vista dela. 

Seja paciente 

Pessoas que perguntam “Como salvar meu casamento?” normalmente não possui algo que é extremamente necessário em um relacionamento: A paciência. 

O que isso significa? Que você pode muito bem continuar com a sua vida, seguir sua rotina normalmente e se preocupar com outras situações e questões do seu cotidiano que são importantes e exigem sua atenção. 

2- Como salvar o casamento controlando o ciúme  

Como salvar o casamento controlando o ciume

“Como salvar meu casamento se a gente briga muito por motivo de ciúme e desconfiança?”

O ciúme e a desconfiança destroem um relacionamento. 

Quem não confia no seu parceiro não vive em paz e não consegue se sentir feliz.  

Para saber como salvar seu casamento, é preciso colocar um ponto final nos desentendimentos por causa do ciúme. 

A desconfiança é resultado da insegurança que pode ter sido causada por algum acontecimento, como um caso de infidelidade por exemplo, ou mesmo por uma carência. 

“Mas e se eu tiver motivos para sentir ciúme?” 

Comece questionando a sua insegurança. O que te leva a se sentir inseguro e desconfiado? Foi alguma coisa que aconteceu no passado?

Alguma coisa que seu antigo parceiro fez e você tem medo que aconteça novamente? 

Em que momentos você sente mais ciúme? Quais atitudes do seu parceiro te incomodam mais? 

Existe alguma pessoa em específico que ativa esse sentimento de ciúme em você? Existe um motivo para isso? 

Saiba quais são os seus medos. 

Se você acha que tem algum motivo para desconfiar, sente e converse com seu parceiro, diga o que está te incomodando. 

Mas cuidado. Antes de imaginar qualquer coisa errada, analise a situação por outro ângulo. 

O ciúme faz a pessoa enxergar uma situação em algo fora da realidade e transformar qualquer ação normal em uma “suspeita”. 

Sendo assim, antes de ter qualquer crise de ciúme, tente analisar os fatos, pergunte a alguém de fora da relação, que você confie, se o que você pensa sobre determinada situação, ela enxerga da mesma forma que você ou se é coisa da sua cabeça.  

Verifique se existem provas reais para desconfiança ou se pode ser sua imaginação. 

Além disso, cuide da sua autoestima. Estar bem consigo mesmo é importante para aumentar sua segurança no relacionamento. 

Confiar em seu cônjuge é uma das respostas à sua pergunta “Como salvar meu casamento?”. 

A confiança total no outro faz parte de uma relação duradoura e saudável. 

 

3- Como salvar seu casamento dedicando tempo para o outro

Casal dedicando tempo um para o outro - Como salvar o casamento

“Como salvar meu casamento se não temos passado tempo suficiente juntos?”

Uma das causas de um casamento que está prestes a acabar é o casal deixar de dedicar um tempo para o outro. 

Com o passar dos anos e a chegada dos filhos, o casal deixa de planejar momentos a sós, como um jantar, um cinema. E isso prejudica muito a relação. 

Se você está se perguntando como salvar seu casamento, provavelmente este é um dos fatores que está faltando no seu relacionamento. 

“Mas nossa vida é corrida, o que fazer?” 

Mesmo com a correria do dia a dia, trabalho, casa e filhos, é extremamente necessário que o casal tenha um tempo para o outro. 

Todo mundo tem 1 hora livre em algum momento do dia. Separe esse tempo livre para se dedicar ao seu parceiro. 

Tempo para conversar 

Seja esse tempo uma hora por dia para conversar, ouvir com atenção o outro, sem estar ao mesmo tempo mexendo no celular ou assistindo à televisão.

Este tempo é apenas para os dois estarem juntos, com a atenção totalmente voltada para o outro, sem distrações. 

Tempo para o lazer 

Um casamento onde o casal só trabalha e cuida da casa, sem espaço para o lazer e o prazer tende a esfriar. 

Aproveite a companhia do seu cônjuge para fazer coisas que vocês faziam no começo do namoro, como um jantar a sós em um restaurante ou em casa mesmo, um passeio, uma viagem e até uma noite de filmes em casa. 

Tudo que faça os dois se divertirem juntos é válido. 

Os encontros românticos após o casamento fazem os casais se sentirem mais unidos e felizes. 

4- Como resgatar um casamento após uma traição 

Como salvar meu casamento após uma traição

Pessoas que perguntam “Como salvar meu casamento?” normalmente tiveram o relacionamento abalado por uma traição. 

Se você descobriu que realmente houve uma traição, neste momento muitas coisas “morrem” para você, por exemplo, a confiança que sentia no parceiro, a segurança que você achava que tinha, a relação que parecia ser tão boa. 

Você também sente muita raiva do outro e de si mesma por não ter percebido, por ter sido enganado, e tudo isso bem debaixo do seu nariz. 

A traição realmente tira o chão, até mesmo da pessoa mais segura e confiante. 

Porque a traição te mostra que você não era a única pessoa na vida e nos pensamentos do seu parceiro.

Não é só uma traição física, é uma traição de tudo aquilo que você acreditava. 

“Fui traída. O que fazer nessa situação? Perdoo ou não?”

Isso depende muito de como cada pessoa pensa e reage, depende do limite de cada pessoa e do que ela considera irrecuperável, irreversível. 

Mas, existem algumas maneiras de lidar com tudo isso para que você supere de um jeito melhor. 

Se chorar te alivia, chore muito, até dormir. Isso vai lavar a alma daquela sensação de rejeição. 

Espere aquele choque inicial passar, porque tomar qualquer atitude nesse primeiro impacto não é recomendado, para você não reagir no calor da emoção. 

Espere um pouco, assimile o que aconteceu e então você passa a pensar em como vai agir. 

A conversa franca entre vocês é inevitável, conversem sobre o que aconteceu, porque isso aconteceu, e sobre o futuro dessa relação. 

O ideal é que quem traiu seja sincero, que responda a todas as perguntas sem fugir do assunto e sem enrolação. 

Talvez seja necessário mais de uma conversa. 

E são nessas conversas que vai se definir o futuro da relação. 

Se decidirem superar e seguir em frente, é preciso que haja arrependimento genuíno de quem traiu, e disposição para reconquistar e resgatar a confiança de quem foi traído. 

Quem foi traído tem que tentar superar a infidelidade, sem ficar desconfiando de tudo o tempo todo, pois assim não será possível recomeçar. 

É preciso encarar o que está sentindo e ser coerente com isso, reconhecendo as dúvidas, a raiva, a mágoa, a decepção. 

Buscar uma terapia de casal é bastante recomendável, pois é um facilitador muito eficaz nesse momento de crise. 

É importante também buscar o resgate da intimidade.

Sair juntos, descobrir uma nova maneira de se relacionar, resgatar a atenção, o carinho, a diversão, os hobbies, fazer uma viagem juntos. 

Se existe a vontade de continuarem juntos, apesar de tudo que aconteceu, é preciso persistência para que haja todo esse resgate do que foi quebrado. 

E o casamento poderá ficar até melhor do que antes, mais sólido. 

Ninguém quer passar por isso, é doloroso, mas se os dois estiverem dispostos, é possível resgatar o relacionamento completamente. 

 

5- Como salvar o casamento em crise com pequenas mudanças de comportamento

“Como salvar meu casamento se não consigo mudar minhas atitudes e meu comportamento?”

Um casamento em crise é uma coisa comum em casamentos longos, ou até mesmo casamentos curtos, pois a maioria dos casais não tem conhecimentos sobre como ter um casamento bem-sucedido.

E quando os conflitos começam a acontecer, muitos já pensam em desistir e terminar o casamento. 

Existem algumas atitudes simples, porém fundamentais para você recuperar seu casamento. 

Não se afaste do seu parceiro 

Em um casamento em crise, é comum o casal se afastar, não conversar, ignorar o outro, nem sequer olhar para o outro. E isso se torna um grande obstáculo para salvar o casamento. 

É preciso ouvir o outro, buscar ter uma conversa civilizada, sem se irritar, explicar o que sente sobre determinado assunto, e encontrar juntos uma solução. 

Invista em pequenos gestos 

Um grande erro entre os casais e que causa a crise no casamento é deixar de praticar pequenos gestos de carinho e atenção, como era feita no início do namoro. 

Isso acontece, porque já houve uma conquista e o casal acha que não é mais necessário continuar praticando estes gestos, ainda mais depois de tantos anos juntos. 

Por isso é importante aplicar pequenos gestos de carinho no dia a dia, como admirar o outro por alguma conquista ou até por uma pequena atitude; dizer “bom dia” ao acordar; desejar um “bom trabalho”; perguntar como foi o dia; dar um beijo ao se despedir ou ao se reencontrar.  

Estas atitudes são simples, mas que fazem muita diferença no relacionamento e no dia a dia do casal. 

Mude as suas atitudes 

Em um casamento em crise, um sempre vai culpar o outro. Mas é importante rever o seu próprio comportamento primeiro.  

Quando você faz essa pergunta “Como salvar meu casamento?” você também precisa fazer as seguintes perguntas: “como eu tenho reagido nesta fase ruim do relacionamento?

Eu tenho contribuído para que a situação fique ainda pior ou realmente estou buscando formas de como salvar meu casamento?” 

Faça essas perguntas, avalie seu comportamento em relação à situação do seu casamento, reconheça onde você está errando e mude seu comportamento.  

Não espere o outro mudar primeiro. Isso só fará a situação ficar ainda pior. 

Comece a mudança por você e automaticamente o outro irá perceber e irá mudar também. 

 

6- Como melhorar o casamento em crise com parceria e companheirismo 

Melhorando o casamento com parceria e companheirismo

Como salvar meu casamento se só vivemos de forma individual, cada um por si?”

A parceria é um pilar muito importante em um relacionamento. Para melhorar o casamento, é preciso que o casal esteja unido, sob qualquer circunstância. 

Um precisa ver o outro como um aliado, um parceiro. E para isso, a base deve ser a confiança. 

Um casal unido e parceiro ultrapassa qualquer obstáculo, resolve qualquer situação que apareça. 

Mostre ao seu cônjuge que você é alguém em quem ele pode confiar e que ele pode contar com você, que você sempre estará ao lado dele para o que der e vier.  

É para isso que os dois estão juntos, para suportar juntos todo obstáculo que aparecer.  

7- Como recuperar o casamento mantendo o Respeito 

Como salvar o casamento mantendo o respeito

“Não temos mais respeito um pelo outro, como salvar meu casamento vivendo dessa forma?”

Para falar um pouco de respeito, conheça um pouco  da história da Mariana Lopes:

“Meu casamento estava em uma situação muito difícil, já estávamos juntos a 13 anos, 2 filhos, e não víamos solução.

Não nos falávamos mais um com outro, e quando isso acontecia, já não tinha mais o respeito, a atenção, as palavras ditas com cuidado. Era só gritaria, discussão e palavras que machucavam.

Na minha cabeça, não tinha mais jeito. A melhor opção era nos separar, para que a situação não ficasse ainda pior.

Mesmo não suportando mais essa situação, no fundo, eu queria que as coisas melhorassem, queria que a gente voltasse a viver bem, com nossos filhos, como uma família.

E decidi que ia procurar ajuda, conhecimento, e pesquisei no Google “Como salvar meu casamento”.

Encontrei muito conteúdo, e comecei a colocar em prática. Além disso, participei do Programa Casamento Bem-Sucedido, que mudou totalmente minhas atitudes e comportamento.

E posso dizer que o que mais fez a diferença foi começar a respeitar novamente, não xingar mais, não gritar mais, não falar palavras pesadas. Ele percebeu essa mudança e imediatamente parou de gritar, de xingar.

Claro que houveram mudanças em outros aspectos, mas essa foi a mais notável, e a que fez uma grande diferença no nosso relacionamento, porque começamos a conversar de forma mais calma, começamos a nos entender, e decidimos juntos salvar nosso casamento.”

-Mariana Lopes, 36 anos.

Lidar com a diferença do parceiro é algo muito difícil, mas é algo necessário. Com o passar do tempo, o casal começa a perder o respeito um pelo outro. 

O casal precisa se respeitar nas palavras, nos gestos, nas atitudes e comportamentos do dia a dia. 

Se o casal perdeu o respeito, a compreensão, será muito difícil encontrar um caminho para recuperar o casamento. 

8- Como melhorar a relação a dois através da confiança 

“Não consigo confiar no meu cônjuge, sempre penso que ele pode estar me traindo, como salvar meu casamento agindo assim?”

Se não houver confiança no seu relacionamento, ele corre grandes riscos de não sobreviver. 

Pode ser que a confiança no seu casamento esteja abalada, mas é possível restaurar a confiança novamente. 

Mostre ao seu cônjuge que você confia nele e dê motivos para que ele também confie em você. 

Assim, vocês poderão ter um casamento sólido e saudável.  

9- Como restaurar o casamento através da intimidade 

Casal com intimidade - como salvar o casamento

“Como salvar meu casamento se não temos mais intimidade?” A falta de intimidade entre o casal prejudica o relacionamento.

Um casamento sem sexo e sem intimidade entre o casal, mais cedo ou mais tarde, terá muitos problemas, pois o sexo é primordial para um casamento ser bem-sucedido.

Identifique o motivo pelo qual isso tem acontecido. 

Vocês não sentem mais desejo um pelo outro? 

Vocês não conseguem um tempo para ficar sozinhos por causa dos filhos? 

A correria e o cansaço do dia a dia te deixam indisposta no fim do dia? 

Saiba exatamente qual a causa que fez vocês se afastarem sexualmente. 

Se a vida sexual está monótona e sem sal, seu relacionamento também será monótono e sem sal.  

Crie estratégias para trazer de volta o desejo e a disposição de estar junto com seu parceiro.

Chame a atenção dele oferecendo um jantar romântico ou planeje um jantar fora de casa. 

Deixe as crianças na casa dos avós ou tios para que vocês tenham mais liberdade pelo menos por uma noite. 

Encontre maneiras de estar a sós com seu parceiro para que vocês resgatem a intimidade para o relacionamento. 

A intimidade significa algo descontraído e informal. Planeje este momento descontraído e informal com seu parceiro. 

 

10- Como tirar o casamento da rotina 

Casal na praia Saindo da rotina para salvar o casamento

“Como salvar meu casamento quando o relacionamento só vive na rotina?”

Existem algumas maneiras para tirar o casamento da rotina e resgatar seu relacionamento. 

Inclua seu parceiro nos seus planos – Para saber como tirar o casamento da rotina é importante incluir seu marido nos seus planos. 

Não abra mão da individualidade – Ao querer sair da rotina, é muito importante também que cada um tenha as suas próprias atividades e que um respeito o espaço do outro. 

Futebol com os amigos ou um happy hour com o pessoal do trabalho, são algumas das atividades que não interferem no relacionamento. 

Invista em novas atividades – Façam planos de juntos conhecerem novos lugares, como parques, restaurantes, ou até mesmo outras cidades.  

Dedique alguns dias para fazer novas atividades que os dois queiram fazer juntos, como fazer um curso, ir à academia, ou aulas de dança por exemplo.  

Essas atividades podem fazer vocês passarem mais tempo juntos e também reforçar os laços do relacionamento. 

Faça uma viagem a dois – Planeje um fim de semana em um hotel em uma cidade próxima. Isso pode fazer maravilhas pelo seu relacionamento. 

Esse momento faz com que o casal esqueça, pelo menos por algum tempo, da rotina e das preocupações do dia a dia. 

Uma viagem é uma ótima oportunidade para conhecer culturas, comidas e aproveitar totalmente a companhia um do outro. 

Lembre-se, é preciso fazer algo diferente do que vocês já estão fazendo.

Pois é o que está sendo feito no momento que está criando problemas no seu relacionamento. 

 

Dicas Bônus 

Perguntas e Respostas: Como salvar meu casamento? – Conselhos para a esposa

Agora que você já sabe algumas dicas para salvar seu casamento, abaixo você verá perguntas feitas por mulheres que consultaram os especialistas em relacionamentos e as respostas dadas por estes especialistas:  

Como salvar meu casamento se o meu marido foi embora?

Como salvar o casamento quando o marido foi embora

A partir do momento que o seu marido sai de casa, aquele misto de sentimentos como raiva, tristeza, medo, insegurança toma conta de você.

E você começa a se perguntar, será que vale a pena ir atrás? Vale a pena tentar fazer com que ele volte? E como agir para isso acontecer? 

Em primeiro lugar, você deve refletir sobre o que aconteceu, qual o motivo que fez ele ir embora? 

Depois, você precisa dar um tempo a ele, e não ir atrás de imediato.

Tenha paciência e dê espaço para ele. Ambos precisam de um tempo para poder refletir. 

Porém, se foi você que pediu para ele sair de casa ou que fez algo que motivou ele a ir embora, o ideal é mostrar estar arrependida e conversar para poder pedir desculpas. 

Diga que agiu sem pensar na situação em que vocês estavam, no meio de uma briga, e que está arrependida. 

Se você já tentou conversar e pedir para voltar e ele não voltou, pense se realmente vale a pena correr atrás. 

Se sim, você pode seguir estas dicas para trazer o marido de volta: 

  • Valorize quem você é, com certeza existem outras pessoas que gostariam de estar no lugar dele; 
  • Pare de se humilhar para ele; 
  • Pare de correr atrás, deixe ele pensar; 
  • Perdoe a si mesma e seu companheiro; 
  • Pare de persegui-lo; 
  • Cuide da sua autoestima, fique linda e bem consigo mesma; 
  • Comece a focar na sua vida, mostre que você está seguindo em frente. 

 

Como salvar meu casamento e fazer meu marido feliz?

Muitas mulheres reclamam de seus relacionamentos conjugais, que não tem a atenção do seu esposo, que não conseguem ter uma conversa civilizada, ou até que seu marido não olha mais pra você como antes, não te deseja como uma mulher. 

Mas, você já se perguntou o que exatamente o seu marido espera de você?  

Como você pode fazer seu marido feliz? 

Existem 5 coisas que todo marido espera de sua mulher: 

Respeito 

Ainda que pareça clichê, devemos oferecer ao nosso companheiro o respeito que nós queremos receber.  

Admiração  

Comece a elogiar as qualidades que ele tem. Admire-o pelo o que ele faz por você e por sua família.  

Trate ele como prioridade, faça ele se sentir importante para você.  

Colocar a relação como prioridade faz com que o parceiro se sinta valorizado e amado e, sobretudo, que o casamento fique menos suscetível à infidelidade.

Diálogo

É essencial o casal se sentir à vontade para que cada lado diga ao outro como se sente e conte as próprias necessidades. 

Atração e Vida Sexual   

O homem é visual, logo a beleza da mulher, o modo de vestir atrai o homem, ou por outro lado, deixa de atrair. 

Além disso, o homem precisa se sentir desejado também. Deseje seu parceiro e faça com que ele deseje você. O sexo é primordial para um casamento ser bem-sucedido.

 

Considerações Finais

Se você chegou até aqui, a sua pergunta “Como Salvar Meu Casamento?” foi respondida.

Você aprendeu que, para ter um relacionamento bem-sucedido, é preciso:

  • Melhorar comunicação e diálogo; 
  • Controlar o ciúme; 
  • Dedicar tempo para o parceiro; 
  • Superar uma traição; 
  • Mudar o comportamento; 
  • Parceria e Companheirismo; 
  • Manter o Respeito; 
  • Saber confiar; 
  • Fortalecer a intimidade; 
  • Sair da rotina. 

Agora, você tem em suas mãos dicas e conselhos valiosos para te ajudar a restaurar de vez o seu casamento.

Se você seguir passo a passo desse Guia definitivo de como salvar o casamento, você terá um relacionamento mais feliz e bem-sucedido.